Arte: Rede Esportiva

Desde o encerramento da participação no Gauchão, o presidente Gilmar Schneider sempre fez questão de expor as dificuldades financeiras para a disputa da Copa do segundo semestre. No entanto, entre nomes anunciados e especulados, a surpresa tem sido positiva.

Até o momento, a direção tem demonstrado criatividade para buscar alguns jogadores de qualidade e experiência para mesclar com os jovens que serão indicados através do conhecimento do técnico Felipe Endres.

Futebol não é ciência exata e, desta forma, não há como garantir sucesso ou fracasso. Mas alguns ingredientes aumentam a possibilidade de dar certo.

Planejamento adequado
O primeiro, e no meu entendimento o mais importante, é pagar em dia. Se houver surpresa, que seja positiva. Melhorando a receita, aumenta o investimento. Caso contrário, promete o que poderá cumprir.

Outro aspecto importante que está sendo trabalhado pelo Pelotas é a análise mais profissional do perfil dos jogadores. Os nomes colocados na mesa passam por um crivo, inclusive do analista de desempenho do clube, que faz um raio X em números de cada um deles.

Jogadores com uma bagagem maior receberão abaixo dos seus padrões na Copinha, mas já terão contrato até o Gauchão do ano que vem.

Fórmula e adversários não empolgam, mas a vaga na Série D, sim
Ainda que o orçamento seja considerado baixo para os padrões do clube, certamente será maior que a maioria das equipes da competição.

A fórmula da competição e, principalmente, os clubes que participarão, não empolgam o torcedor. Porém, a possibilidade de buscar uma vaga na Série D deverá ser o motivo para o apoio.

Sub-17 do Progresso na Copa do Brasil
Progresso e Brasil vêm fazendo grandes campanhas no Gauchão Sub-17. As duas equipes têm duas vitórias em dois jogos na segunda fase e se enfrentam no próximo domingo.

O Progresso, que está invicto no estadual, disputará um competição em Palhoça-SC no final do mês e também será um dos representantes gaúchos na Copa do Brasil, por ter sido vice-campeão no ano passado.

Deixe uma resposta