Imagem: Rede Esportiva

Pouca coisa deu certo no Bento Freitas nesta temporada. Bem pouca mesmo. E convenhamos, que o trabalho da dupla Jerson Testoni e Helio Vieira, que chegaram com o barco quase naufragando, foi uma dessas coisas. Mesmo em um momento horroroso e com algumas atuações abaixo da linha da pobreza, em outras tantas, quando o Brasil conseguiu mostrar algo, e o mínimo de padrão, deu para ver nitidamente o dedo do técnico, em um grupo onde a qualidade técnica era mínima.

Pelo trabalho feito no Brusque, mas principalmente pela capacidade de conseguir mostrar algo no quadro de total adversidade do Brasil, era natural que o nome de Testoni se valorizasse. Primeiro se viu o nome do técnico sendo ligado ao Figueirense, que antes de anunciar Junior Rocha, tirou informações do comandante do Brasil. Após isso, segundo o colega Clodoaldo Pereira, a Chapecoense e o Remo demonstraram interesse nos préstimos de Testoni.

O próprio Clodoaldo, que postou uma foto ao lado do técnico em seu twitter, no último dia 01/12, relatou, dois dias depois, o interesse das duas equipes pelo treinador, sublinhando que na Chape o nome de Jerson ganharia força. No mesmo dia 3, o colega Rodrigo Goulart, da Rádio Chapecó/Rede Massa, relatou em seu twitter: “Falei de manhã com treinadores. Jerson Testoni (Brasil/Pelotas) foi o único q não negou ter sido procurado pela Chapecoense. “Prefiro silêncio. O meu procurador é quem cuida disso”. Apurando: sim! Jersinho, ex Brusque, é um que está na lista. Já não é mais especulação. Interessa.”

Após isso, a repercussão em Pelotas foi imediata. Meu amigo Fernando Monassa, da Rádio Pelotense, conseguiu contato com o técnico, que respondeu: “Não falo sobre esse tipo de informação. Tenho um representante para tratar disso. Tenho contrato com o Brasil.” – disse. E tomara que isso ocorra.

Perder Jerson Testoni seria muito prejudicial ao Brasil. O técnico entendeu a realidade do clube, está ambientado e trabalha bem junto com Helio Vieira, que relatou recentemente que vem mantendo contato diário com o técnico sobre a formação do grupo, e em nenhum momento recebeu relato sobre uma eventual saída do técnico.

Acredito na permanência de Jerson Testoni no Bento Freitas. Ele, que não teve nenhuma culpa no rebaixamento, sabe o quão importante pode ser para sua carreira estar aqui caso consiga resultados expressivos à frente da casamata Xavante. O ideal seria que ele se manifestasse logo, confirmando que fica e acabasse com qualquer tipo de especulação que possa o ligar à Chape.

O Brasil caminha para uma temporada que promete ser bastante difícil, porém, começar com um outro técnico, chegando agora, sem estar a par do planejamento seria bem ruim. Que Testoni permaneça na Baixada para que o futuro seja minimamente alvissareiro.

MERECE PALPITE
Amanhã, existem dois jogos importantes na Champions que podem ser ótimas possibilidades de apostas. Vitórias de PSG e Manchester City, contra Club Brugge e RB Leipzig, respectivamente. A vitória dos franceses tem odd 1.33 na KTO.com. Já a do City paga 1.96. Vale a pena.


Os textos desta coluna são de responsabilidade do autor e não representam, necessariamente, a opinião dos editores do site.

Deixe uma resposta