Foto: Leonardo Lima

Com uma indecisão se haveria jogo até minutos antes da bola rolar, São Caetano e Pelotas se enfrentaram neste sábado (24), em São Paulo, pela nona rodada da primeira fase da Série D. Jogadores e funcionários do time paulista estão com os salários atrasados, mas apesar de ameaçar um W.O durante a semana, o jogo aconteceu e resultou em uma goleada histórica, por 9 a 0, para o Pelotas.

O primeiro tempo do Pelotas foi avassalador, o Lobo abriu o placar logo aos cinco minutos de jogo, após lançamento de Ariel, Ramires driblou o goleiro e empurrou para o fundo do gol. Aos 24, Juliano cruzou da direita para a entrada da área e Itaqui chutou para ampliar o placar. Aos 27, Ariel driblou a marcação e acertou um chutaço direto no gol. Aos 38, Ariel tabelou com Marcão na esquerda e marcou o quinto. Para encerrar o placar da primeira etapa, após cruzamento de Itaqui, Mateus Santana cabeceou para o gol. Sem motivação para correr atrás do placar, o São Caetano não levou perigo à defesa áureo-cerúlea.

Aos 16 minutos do segundo tempo, o goleiro do São Caetano deu rebote em chute de Itaqui e Marcão marcou o dele, fazendo 7 a 0 para o Lobo. Aos 28, Tatá limpou o goleiro dentro da área e marcou o oitavo. Aos 42, Marcão subiu sozinho na área e marcou o segundo dele na partida, fechando o placar em 9 a 0 para o Lobo.

O próximo jogo do Pelotas será no sábado (31), às 15h, contra o São Luiz, na Boca do Lobo.

Ficha técnica

Data: 24 de outubro de 2020

Local: Estádio Anacleto Campanella, São Caetano do Sul/SP

Arbitragem: José Silva (PE), auxiliado por William Malaquias (SP) e Fabrício Moura (SP). Quarto árbitro: Pietro Stefanelli.

São Caetano: Caio; Neres, Renan, Matheus Santos e Bruno; Marcílio, Anderson Braz, Vinícius, Thiago Potiguar, Filipe e William.

Pelotas: Renan; Marcelo, Fábio Alemão, Mateus Santana e Gabiga; Moisés, Ramires, Itaqui, Juliano, Ariel e Marcão. Técnico: Ricardo Colbachini.

Deixe uma resposta