Foto: José Tramontin / AI Operário

Na noite deste domingo (30) o Brasil enfrentou o Operário/PR, no Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa. O Xavante perdeu pelo placar de 2 a 1. O gol rubro-negro marcou o primeiro feito pelo jovem Luiz Henrique como profissional.

O jogo
O Operário abriu o placar aos 17 minutos do primeiro tempo com gol de Marcelo. Douglas Coutinho arriscou da entrada da área, o goleiro Rafael Martins deu rebote e o camisa 10 da equipe paranaense chutou forte para o fundo do gol. Logo na sequência o Xavante conseguiu chegar ao empate. Aos 20 minutos, o estreante Matheus Oliveira arrancou pela direita, cruzou na área e, em sua estreia como titular, Luiz Henrique marcou seu primeiro gol como profissional. Com as novidades no ataque, Matheus Oliveira, Danilo Gomes e Luiz Henrique, o Brasil pressionou o Operário e encerrou o primeiro tempo com mais oportunidades do que os donos da casa e o empate no marcador.

Na segunda etapa o Operário voltou a ficar na frente, aos 12 minutos, com gol de letra do atacante Schumacher. No detalhe da emissora responsável pela transmissão, as câmeras apontaram um toque de mão do jogador do time paranaense na origem da jogada. Após o gol o rubro-negro não conseguiu reagir e a partida terminou com a vitória da equipe da casa.

O próximo compromisso do Xavante é na quarta-feira (2), contra o Cruzeiro, às 21h30, no Estádio Bento Freitas.

Ficha técnica:

Data: 30 de agosto de 2020

Local: Estádio Germano Krüger – Ponta Grossa/PR

Arbitragem: Jefferson Moraes, auxiliado por Cristhian Sorence e Tiago Silva. O quarto árbitro é Cristian da Luz.

Operário/PR: Rodrigo Viana; Sávio, Rafael Bonfim, Reniê e Julinho (Fabiano); Jiménez, Tomas Bastos e Marcelo (Lucas Batatinha); Douglas Coutinho (Maranhão), Thomaz (Jean Carlo) e Schumacher (Roger). Técnico: Gerson Gusmão.

Brasil: Rafael Martins; Rodrigo Ferreira (Maicon Silva), Lázaro, Leandro Camilo e Bruno Santos (Nathan); Sousa, Bruno Matias (Poveda), Matheus Oliveira (Gabriel Poveda), Gegê (Simião) e Danilo Gomes; Luiz Henrique (Dellatorre). Técnico: Hemerson Maria.

Cartões amarelos: Douglas Coutinho, Juninho e Jiménez (OPE), Luiz Henrique e Danilo Gomes (BRA)

Deixe uma resposta