Foto: Victor Lannes / Rede Esportiva

O atacante Bruno Paulo não deve ficar no Brasil. E quem diz isso, em tom pessimista, é o próprio jogador. Em entrevista ao repórter Marcelo Prestes, da Rádio Universidade, o jogador que teve o contrato com o rubro-negro expirado disse que acha que “não vai dar certo” a renovação com o Xavante.

“Sábado eu não vou jogar. Na real, ninguém falou comigo. Eu acho que não vai dar certo (…) porque ninguém chegou até mim e falou. Meu empresário falou que a negociação é difícil. Vai tentar conversar com o presidente. Acho que (o Brasil) vai ter que esperar subir para eu poder voltar (risos). Primeiro, vou resolver aqui, esperar. Vou ficar esta semana aqui, têm várias coisas para resolver”, disse.

Por outro lado, Bruno Paulo reafirmou seu desejo de ficar no Bento Freitas. “Na verdade, a gente teve uma conversa cara a cara ontem (quarta), mas não chegou um acordo. Se Deus quiser vai acontecer e eu vou ficar”, disse.

“Muito difícil eu ganhar o valor do Corinthians aqui. Quase impossível. É impossível, na verdade. Mas o que eu pedi não chega nem aos pés do que eu ganhava, não é uma coisa muito superior. Eu sei, conheço as dificuldades do clube, sei o que está passando. Se eu ficar, vai ser para ajudar”, completou.

Um fato, porém, dificulta a permanência do jogador na Baixada. “Tenho muitas (propostas), até mostrei para eles e sabem muito bem as propostas que tenho. Eu falei que quero ficar aqui. Chegou uma proposta muito maior do que pedi a eles, mas eu tô convicto (que deseja seguir no Brasil), nosso time tá bem, a gente vai surpreender muita gente. Não depende só de mim”, disse.

Deixe uma resposta