Foto: Gustavo Henrique / AI CRB

Na sexta-feira (13) o Brasil encaminhou um ofício à CBF relatando a indisposição estomacal sofrida por 11 membros da comissão técnica, incluindo jogadores, durante a viagem para Maceió para o confronto com o CRB. O clube espera ter uma resposta do hotel onde a delegação se hospedou.

Segundo entrevista do presidente Ricardo Fonseca para Rádio Gaúcha, a intenção do clube com o envio do ofício é de que a entidade tenha conhecimento do ocorrido para que não se repita.

O diretor-executivo Edu Pesce falou ao Rede Esportiva sobre o assunto. “A gente fez uma notificação extrajudicial para que sejam tomadas providências. É um hotel cadastrado junto à CBF e haverá uma manifestação do hotel. A gente dá um prazo, ele tem que se manifestar junto ao clube e também à CBF, que certamente irá pedir um esclarecimento. Aí vamos aguardar as providências que podem ser tomadas, o que não é muito fácil. Mas, a gente deixa ciente do ocorrido e é até uma prevenção para que outros clubes não sofram uma situação desse sentido. Para o hotel ter um pouco mais de cuidado, de critério na questão da alimentação, alimentos, compra, estoque, essas coisas assim”, explicou.

Deixe uma resposta