Foto: Álvaro Jr. / Ponte Press

Na tarde desta sexta-feira (13), Ponte Preta e Brasil empataram em 1 a 1, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, pela Série B do Campeonato Brasileiro.

A arbitragem teve protagonismo na partida com reclamações de ambos os lados. O Brasil abriu o placar aos 24 minutos do primeiro tempo. Após cobrança de falta de Felipe Albuquerque, Sousa, em posição de impedimento não marcada, cabeceou para o fundo do gol da Macaca. No final da primeira etapa, em jogada pela esquerda, Camilo recebeu, em posição de impedimento também não assinalada, e tocou para Matheus Peixoto, que cruzou na cabeça de Apodi para empatar o jogo.

Na segunda etapa, aos nove minutos, o juiz marcou pênalti e toque de mão do zagueiro Nuno. Marcação também equivocada segundo a central do apito do canal SporTV. João Paulo cobrou e mandou para fora. A partida encerrou com o empate.

O próximo compromisso do Xavante será no sábado (21), contra o Oeste, às 16h30, na Arena Barueri, em Barueri/SP.

Ficha técnica

Data: 13 de novembro de 2020

Local: Estádio Moisés Lucarelli, Campinas/SP

Arbitragem: Wagner Reway (PB), auxiliado por Oberto Santos (PB) e Kildenn Lucena (PB). Quarto árbitro: Pietro Stefanelli (SP).

Ponte Preta: Ygor Vinhas, Apodi, Wellington Carvalho, Ruan Renato e Guilherme Lazaroni (Yuri); Barreto, Camilo (Wanderley) e João Paulo (Vinícius); Pato (Luan Dias), Bruno Rodrigues e Orobó (Matheus Peixoto). Técnico: Marcelo Oliveira.

Brasil: Rafael Martins; Felipe Albuquerque, Nuno, Héverton e Alex Ruan; Sousa (Cazonatti), Bruno Matias, Matheus Oliveira (Gegê), Bruno José, Danilo Gomes (Jarro) e Dellatorre (Bruno Santos). Técnico: Cláudio Tencati.

Cartões amarelos: João Paulo (PON), Sousa, Nuno (BRA).

Deixe uma resposta