O árbitro que apitou a partida entre Gama e Brasil, pela primeira fase da Copa do Brasil, José Washington da Silva, de Pernambuco, relatou em súmula, uma frase proferida pelo presidente do Gama à arbitragem após a partida. O trecho descrito por ele deixa uma curiosidade sobre o assunto.

Informo ao término da partida, quando a equipe de arbitragem já se encontrava no vestiário, o senhor Weber Magalhães, presidente da equipe do Gama, abriu a porta do vestiário da arbitragem sem permissão e proferiu as seguintes palavras: ” vocês fizeram uma excelente arbitragem, mas poderia ter dado um acréscimo maior, vou falar com o Evandro.

Supõe-se que Evandro, ao qual Weber Magalhães se referiu, conforme citado no trecho, seja Evandro Carvalho, presidente da Federação Pernambucana de Futebol, da qual o trio de arbitragem faz parte.

Weber Magalhães, citado na súmula, está na presidência do Gama desde novembro de 2016. O dirigente foi vice-presidente da CBF na gestão de Ricardo Teixeira.

Na quarta-feira (12), Gama e Brasil empataram em 3 a 3 no Estádio Bezerrão. O resultado deu a vaga na próxima fase ao Xavante. A equipe rubro-negra teve expulsos os atacantes Cristian e Nathan, além do preparador de goleiros Alex Lessa. O treinador Gustavo Papa ainda recebeu cartão amarelo por reclamação. O árbitro José Washington também marcou um pênalti para cada equipe. O tempo de acréscimo do segundo tempo foi de sete minutos.

Ao final do jogo, o presidente do Brasil, Ricardo Fonseca, concedeu uma entrevista criticando a atuação dos árbitros. “A arbitragem veio para nos f… Se o Brasil não tem a alma castelhana, sairia derrotado daqui de dentro”, disse.

A súmula na íntegra pode ser acessada no site da CBF. Clique aqui.

Deixe uma resposta