Foto: Letícia Martins / AI Vitória

O Xavante está a três pontos de chegar aos 45 – número estimado para fugir do rebaixamento. Na noite desta terça-feira (5), terá a oportunidade e conquistá-los contra o Vitória. Caso o Xavante vença a partida fora de casa, terá uma tranquilidade maior para a sequência da Série B. Situação essa que foi repercutida pelo técnico do time adversário.

Em entrevista coletiva o comandante do time baiano, Geninho, afirmou que o confronto contra o Xavante não será fácil. “Pelo retrospecto do Brasil, que tem situação favorável jogando fora de casa, ele praticamente fugiu da chance de Acesso e está a um passo de fugir do rebaixamento. Acho que ele vem aqui buscar um ponto, tem alguns desfalques. Ele vem aqui jogar no meu erro, por uma bola. E ao mesmo tempo vem jogar tranquilo. Vem sem a pressão que veio o Londrina, que sabia que não poderia perder. O Brasil vai sossegado, vem tranquilo. É um time bem treinado, tem conseguido bons resultados dentro e fora de casa. Time que vem assim é complicado. Ele vem levando o jogo, tentando matar o tempo. Se ele sair daqui com 43 pontos, sai plenamente satisfeito”, disse.

Dúvidas

O treinador Geninho tem algumas dúvidas para escalar os 11 titulares e, por isso, ainda não entregou a equipe que enfrentará o Brasil. O grupo treinou na manhã desta segunda sem a presença de três jogadores: Jonathan Bocão, Chiquinho e Wesley. Eles deixaram a Toca do Leão para realizar exames médicos. Os três estão relacionados para o jogo, mas podem desfalcar o time.

  • O Xavante terá os desfalques de Heverton, Eduardo Person e Diogo Oliveira, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

Retrospecto

Nos últimos cinco jogos, o Leão tem duas vitórias, dois empates e uma derrota. Dos jogos em casa, foram uma derrota e um empate.

Arte: Rede Esportiva

 

Arte: Rede Esportiva